5 ideias para ganhar em dólar sem sair de casa

Nessa altura do campeonato, a não ser que você estivesse vivendo em Marte, já deve saber como anda a situação do dólar em relação ao real nos últimos meses. Por causa disso, essas 5 ideias para ganhar em dólar podem cair perfeitamente na sua situação! Se cada dia seu salário vale menos e a tão sonhada viagem ao exterior fica alguns centavos mais cara, o que se multiplica para cada um dos dólares que você gastaria e se torna uma montanha de dinheiro, tá na hora de mudar a chavinha.

Você já pensou em tentar trabalhar com o outro lado? Se o dólar está lá no alto e nosso real está valendo cada vez menos, ganhar em dólares seria uma ajuda e tanto. Seja no Brasil ou fora dele, ganhar em uma moeda mais forte é sempre uma coisa boa. Usando essa linda que é a internet, você pode continuar com seu emprego normal e ainda fazer alguns bicos para ganhar em dólar – e em euro, libras, você escolhe. Aqui listei alguns trabalhos simples, que não exigem uma preparação enorme e são relativamente menores e mais fáceis. Muitos deles nem pagam muito bem, especialmente se você ainda tiver poucas habilidades no que está querendo fazer. Mas, se você tiver paciência e for talentoso, pode ter uma ajuda legal no orçamento. E, quem sabe, você pode até migrar totalmente para o trabalho remoto.

Para quase todas as ideias, você precisa saber ao menos um pouco de inglês (esse post pode te ajudar!) e ter algumas habilidades, é claro. Nada que você não possa aprender e ir melhorando aos poucos.

A ideia te atrai? Então vem com a gente!

sem sair de casa

Traduzir textos para português

Se você sabe falar outra língua além do português e tem facilidade com a escrita, você pode começar a pegar pequenos trabalhos que pagam por palavra ou texto em sites de freelances. Normalmente os valores não são muito bons, e por isso mesmo eles não podem pagar um tradutor profissional. Se você não estudou sobre isso, aconselho que você só pegue trabalhos mais pontuais, e não traduções complexas que só profissionais capacitados conseguem lidar direitinho. Mesmo com os valores baixos, da forma que a cotação do dólar anda e de acordo com a sua velocidade em realizar as tarefas, o valor pode valer a pena pra você.

O maior contra desses sites costumam ser, justamente, o valor que você pode cobrar. Para começar no site é complicado, porque você não tem nenhuma referência e precisa trabalhar por preços bem abaixo do seu normal para ganhar certa reputação. Se você não tem nenhuma outra ideia a vista e tempo livre, vá em frente.

Alguns sites que você pode se cadastrar: Upwork – Guru – Freelancer

Analisar websites

O User Testing é um site que você pode revisar a usabilidade de um site por voz – em inglês. Quando surge um trabalho, você vai até lá, ativa seu microfone e sua câmera e fala sobre tudo que você está fazendo e pensando no site. Eles querem a opinião de pessoas leigas mesmo, para ver o quão fácil está para você se cadastrar, para entender o negócio que o site está propondo, como as pessoas estão reagindo aos botões etc.

A premissa dele é bem legal e, em cada análise, que dura mais ou menos 20 minutos, você ganha 10 a 15 dólares. Mas são tantas pessoas cadastradas no site que você precisa ficar sempre de olho para aceitar as propostas rápido, antes que outra pessoa pegue.

User Testing

Vender fotos online

Você tem uma câmera legal, um celular com boa resolução e um olhar legal para fotografia? Talvez você consiga tirar uns trocados vendendo fotos em bancos de imagem. É claro que ser fotógrafo exige muito, muito mais do que apenas uma câmera e um olhar, mas empresas e pessoas buscam fotos de todos os tipos de coisa nesses sites. Sério. Estude um pouco sobre fotografia na internet, entenda qual o estilo que você gosta, pratique bastante e tente entender a arte da edição de fotos. Também é importante procurar sites que não retenham os direitos da sua foto, porque assim você pode disponibilizar a mesma foto em vários lugares e, se tudo der certo, receber de mais de uma fonte. :)

Algumas sugestões: Alamy – 500px – Fotolia – SmugMug

Vender apresentações – e outras coisas de design

Uma coisa relativamente comum que designers, planejadores e outras pessoas com essas ~habilidadjis~ acabam fazendo para ganhar um dinheiro extra é começar a vender ícones, fontes, layouts de apresentações em Keynote ou Powerpoint, layouts de blogs e outras coisas de design que, muitas vezes (não todas!), não precisam nem ser atualizadas. Você coloca no site e só fica ganhando dinheiro de forma passiva quando alguém compra seu produto.

Esse é um dos trabalhos mais legais e mais bem remunerados nessa lista. Mas, com razão, ele também exige que você já tenha bastante habilidade com algumas ferramentas. Os ganhos dependem da qualidade do seu trabalho e da forma que você vai responder a questões e lidar com o feedback, é claro. Os sites para esse tipo de coisa são infinitos, mas aqui tem alguns para você começar a pesquisar:

99Designs – Theme Forest – Graphic River – Dribble

Encontrar um emprego remoto

Esse aqui é o mais complicado deles – mas que pode te trazer bons frutos a curto e longo prazo. Você pode encontrar um trabalho remoto para fazer absolutamente qualquer coisa: ser o assistente pessoal de alguém, planejar viagens, ser o designer de uma empresa, ser o programador de um site, cuidar da conta digital de uma marca… existem milhares de opções, e você tem chances de se encaixar em algumas delas. O desafio, como em qualquer outra possibilidade de trabalho, é como você vai se destacar e mostrar como você é melhor que todos os outros concorrentes.

Muitos desses trabalhos remotos não se importam com o horário que você está trabalhando, e às vezes é até melhor trabalhar de noite por causa do fuso de alguns outros lugares. Então, em muitos casos, dá pra equilibrar o trabalho ao vivo com o remoto sem problemas.

Já mandei uma lista de sites para encontrar trabalho remoto para todas as pessoas que assinam nosso mailing (assina aqui!), mas aqui vão alguns deles:

We Work Remotely – Remotive.io – Working Nomads – TalentBoard  – FlexJobs

Agora que você tem algumas opções para trabalhar pela internet e começar a ganhar em dólares, pesquise bastante sobre qual é a que tem mais a ver contigo. Se uma delas te interessou muito, não é só se cadastrar no site e ficar torcendo para conseguir trabalho. Vá pesquisar, aprenda mais sobre aquele tema, se dedique a se tornar um profissional legal mesmo nesse part time job.

Existem milhões de fontes de conteúdo e informações gratuitas na internet para você aprender e se tornar um profissional melhor em qualquer área. Você só precisa procurar por elas :)

Comentários