2 cafés que provam que a Bratislava pode te surpreender

Quando você pensa na Eslováquia, normalmente você pensa em…pera, acho que você nunca pensa na Eslováquia. Você até já ouviu falar, mas nunca soube de ninguém que pisou ali. E nós também éramos meio assim. Com sua língua cheia de sinais estranhos, a única coisa que nos levou até lá era a proximidade que sua capital, a Bratislava, tinha com a capital da Áustria, onde passaríamos alguns dias.

O primeiro contraste de chegar na Bratislava foi bem estranho. Saímos de uma das cidades mais lindas que já conhecemos até hoje, daquelas que parecem de plástico, para ir para um lugar…real. Com paredes descascadas, lugares turísticos abandonados, pessoas estranhas andando no centro, bebendo no bar, roubando champagne no lançamento do CD de uma cantora…a Bratislava te dá um tapa de realidade na hora que você chega e, quando vai embora, te dá vontade de ter aproveitado 3x mais cada uma daquelas ruazinhas que parece que ninguém explorou ainda.

E foi pesquisando muito, nos perdendo pelas ruas que nunca conseguiríamos pronunciar os nomes, que encontramos esses dois cafés/restaurantes/bares (tudo meio junto e misturado) que foram o tempero que deu vontade de explorar as ruazinhas tão pouco aproveitadas pelo mundo. E, pra quem também gosta de caçar lugares novos que quase ninguém conhece, parece muito promissor, viu?

Štúr Cafe

Štúrova 14/8, Staré Mesto, Bratislava, Eslováquia
Foursquare

Descobrimos o Štúr procurando por algum lugar legal para matar nossa ressaca da noite anterior. Quando vimos as avaliações no Trip Advisor, ficamos morrendo de vontade de ir até pra comer um quiche que parecia maravilhoso e foi ele que nos fez tão persistentes. O Štúr estava em um cruzamento de duas ruas, ambas em reforma, e a gente simplesmente não conseguia encontrar o café nunca. E fome de ressaca é aquela que corroe o nosso estômago, né? Mas aguentamos firme e, olha, valeu muito a pena!

O lugar tinha janelas enormes cheias de ilustrações e era muito, muito bonitinho. A comida era maravilhosa, a bebida era maravilhosa e a nossa atendente até arranjou um remédio de dor de cabeça pra mim. É claro que a sensação daquela ser a melhor comida do mundo tinha como culpada a ressaca, mas a comida lá era realmente muito boa – e muito barata. Os garçons falam inglês, tem menu em inglês, e mesmo que não tenha muitas opções vegetarianas, as que você encontra lá já são mais que suficientes. Vai na fé.

Foxford

Laurinská 1 (Radničná), Staré Mesto, Bratislava, Eslováquia
Foursquare

Enquanto passeávamos pela parte mais turística do centro (sim, existe um centro turístico na Bratislava, eu juro), bateu fome e a necessidade de fazer uma pausa para resolver algumas coisas de trabalho. Andamos um pouco por lá e demos de cara com o Foxford, um café/bar/restaurante super moderninho, com iluminação diferente, livros de culinária em eslovaco e comidas com uma aparência ótima no balcão. E nós queríamos que existisse uma versão do Foxford em todas as cidades que passamos!

Ali era um pouquinho mais caro que o Štúr pela localização, mas ainda bem barato. O cardápio já é maravilhoso, com o design incrível, e a comida idem. Se a gente morasse na Bratislava, ali seria um dos cafés que com certeza iríamos sempre para trabalhar, comer e beber alguma coisa. E na rua dele ainda tem vários outros lugares que davam vontade de ir conhecendo um a um.

Bem que nos falaram que tinham mil cafés na Bratislava, mas eu não estava esperando encontrar dois tão legais! <3

Tá indo pra Bratislava – ou conhece alguém com planos de conhecer a Eslováquia? Temos um post bem completo aqui no blog sobre nossa viagem por lá!

Comentários