Passaporte Freela: seu guia definitivo para a liberdade profissional

Quando paramos para pensar em tudo que nós já realizamos nos últimos anos, parece que a vida até aqui foi um sonho. Desde a primeira vez que pudemos trabalhar de frente para a praia, nos Estados Unidos, sonhando com essa possibilidade ser parte da nossa vida, passando pelos primeiros freelas que conseguimos e até a sensação de estarmos indo morar em outro país LEVANDO nosso trabalho com a gente. Tudo isso é parte da nossa história, mas sempre que paramos para pensar dá aquele friozinho na barriga só de lembrar.

Tudo que fizemos nos últimos anos só foi possível porque conseguimos tomar as rédeas do nosso próprio trabalho. Ao nos tornarmos freelancers, finalmente conseguimos pagar nossas dívidas, sustentar nossas viagens e, desde então, é assim que bancamos o nosso estilo de vida de viver cada hora em um país diferente no mundo.

Ser freelancer nos permitiu ter tempo para nos dedicarmos ao Pequenos Monstros e também a nossa vida pessoal. Não é sempre que você pode escolher seus próprios horários e clientes, né?

E nós resolvemos aproveitar isso da melhor forma possível.

O tempo foi passando, nossos leitores foram aumentando e as questões sobre o mundo dos freelas também. Como recebemos muitos emails, dificilmente eu conseguia me dedicar da forma que queria para responder cada pessoa com a dedicação que gostaria – e, para quem já recebeu uma das minhas respostas enormes por email, sabe que isso me frustra MUITO.

Eu não conseguia tirar horas e horas do meu dia para responder cada um dos nossos emails. Especialmente esses emails que querem ajuda para começar a trabalhar como freelancer, que pedem mais carinho. Depois de muito bater a cabeça tentando encontrar alguma forma de melhorar isso, tivemos uma ideia. E se a gente conseguisse criar alguma coisa que responda muitas dessas dúvidas – que nós já tivemos e que tanta gente nos manda emails e mais emails nos perguntando?

Foi assim que surgiu a nossa primeira ideia: vamos falar mais sobre os sites de freelancer! Muitas dessas perguntas eram relacionadas a eles – como entrar, se destacar e criar uma boa cartela de clientes em sites de freelas, por exemplo. Assim conseguiríamos ajudar algumas pessoas a começarem nesse caminho – que não foi o nosso, mas é muito válido. Como bons planejadores, nosso primeiro instinto foi começar a pesquisar. Por meses. Juntamos uma quantidade gigante de material, adicionamos todo o nosso conhecimento como publicitários e criamos um caminho lindão pra brilhar em sites de freelas.

Só que a gente não ia entregar isso pra ninguém sem antes testar cada parte dessa estratégia. Quem nos conhece sabe que a gente só fala daquilo que a gente realmente vive.

Então criamos um formulário para quem faz parte da Horda dos Pequenos Monstros (clica aqui pra fazer parte você também :D) com uma ideia: vamos selecionar cinco pessoas e ajudar a bombar o perfil delas em sites de freelancer. No fim, selecionamos oito leitoras MUITO talentosas para testarem nossas estratégias. Tivemos conversas individuais e em grupo, discutimos sobre os principais medos de quem está começando a freelar, as dúvidas, testamos várias coisas diferentes e tivemos um resultado BEM legal com elas. O material estava todo ali. Desenhamos o curso todo assim.

Só que, conversando com todas essas freelas, enxergamos uma coisa nova: muitas das coisas que estávamos compartilhando ali eram estratégias para você se posicionar como freelancer num geral, não só para quem busca trabalhos em sites de freelancer. A maioria dos freelancers passa pelos mesmos problemas para criar uma marca em torno de si, definir o caminho que quer trabalhar, os clientes que tem a ver com o que acreditam, perrengues para entender como mostrar e vender seu trabalho, como cobrar, como encontrar clientes e se manter relevante no mercado mesmo trabalhando a distância.

Como freelancers – de qualquer área! – nós passamos por uma porrada de coisas, problemas, dúvidas, questões e testes que fazem parte do nosso cotidiano. Coisas que fizeram e ainda fazem parte da nossa vida como freelancers.

Foi assim que surgiu a ideia do Passaporte Freela! 😀

Juntamos tudo que aprendemos com o nosso trabalho de planejamento para marcas e criação publicitária, adicionamos nossas experiências com tudo que vivemos como freelancers e completamos tudo com uma pesquisa gigante.

Criamos e testamos várias estratégias, aprendemos com cada uma delas e foi assim que nasceu nossa primeira série de cursos!

Se você quer se tornar freelancer criando sua carreira desde o comecinho, melhorar sua busca por clientes legais, encontrar uma forma de se posicionar melhor, saber como cobrar mais pelo seu trabalho e se destacar como profissional dentre esse mar de outros freelancers que existem por aí, o Passaporte Freela é pra você! 😃


Não vou me aprofundar muito em cada um dos cursos por aqui porque, bom, é só você clicar aqui e ir para o nosso site para ver tudo que nós estamos criando.

E o Passaporte Freela não é apenas para áreas criativas, tá? Você pode ser um engenheiro, uma bióloga, um professor, uma arquiteta, um contador, uma publicitária, um jornalista ou um designer. Acima disso tudo, se você já trabalhar de forma independente – ou quer muito começar – a série de cursos também é pra você.

Queremos que todo mundo possa definir seus horários, trabalhar com clientes incríveis, ganhar de acordo com o quanto se trabalha e evoluir na sua carreira de forma independente. É isso que cada um dos nossos alunos do curso vai realizar.

A pré venda do curso começou HOJE e estamos bem animados! Até o dia 5 de Maio você pode comprar os três cursos com 50% DE DESCONTO clicando aqui – e parcelar em até 3x.
Não vacila, hein?

Esses são os primeiros cursos que estamos criando e estamos MUITO EMPOLGADOS pra mostrar pra vocês cada uma das coisas que estamos desenvolvendo. É incrível poder finalmente compartilhar um pouquinho de tudo que a gente aprendeu trabalhando de forma independente e poder ajudar tantas pessoas a também serem livres.

Vem com a gente? 

Comentários